Um livro pra chamar de seu

Democratização, leitor, escritor e ferramentas online é igual a self-publishing. Essas são as palavras do momento que tem realizado o sonho de muitos escritores de primeira viagem. A criação de conteúdo editorial que era controlada por um número restrito de pessoas, agora pode ser de todos!

Segundo o documento The Self Publishing Revolution, as pessoas que são indispensáveis no processo de publicação de um livro, hoje, é o escritor e o leitor. Está acabando a dependência por editoras físicas que controlavam e, ainda, controlam as políticas de mercado.

Tudo isso porque, atualmente, existem inúmeros softwares que publicam, divulgam e vendem o livro para você. Agora, ficou bem mais fácil e animador elaborar manuscritos com a ajuda dessas ferramentas. Fizemos uma pequena lista de algumas delas para ajudá-lo a editar e escrever seu primeiro best-seller. Confira abaixo:

Blurb elabora livros impressos e digitais

1. Blurb – é um site muito simpático que desenvolve um serviço de publicação simples, criativo e inteligente o bastante para que todos possam se tornar escritores – qualquer blogueiro, cozinheiro, fotógrafo, pai ou mãe, viajante, poeta, dono de animal de estimação ou comerciante, enfim, todo mundo, inclusive você!

2. Agbook – é uma das pioneiras a criar uma rede online sob demanda. Você pode publicar seu livro online, determinar quanto deseja ganhar por venda e disponibilizá-lo na loja sem pagar absolutamente nada por isso. Uma vez lá, todo e qualquer usuário pode adquiri-lo via comércio eletrônico. Quando o livro é comprado, o pedido vai diretamente para impressão na AlphaGraphics. O livro é impresso e despachado ao consumidor. A cada R$ 100,00 de direitos autorais acumulados pelo autor, este recebe o valor diretamente na sua conta.

3. Lulu – é a criação de um novo modelo no mercado editorial – a publicação aberta – que permite aos escritores venderem seus conteúdos diretamente para mais leitores. Segundo seu próprio site, desde sua fundação em 2002, 1,1 milhão de criadores em mais de 200 países e territórios já se inscreveram no site e, a cada mês, 20.000 títulos são adicionados em seu catálogo.

4. CreateSpace da Amazon – é um membro do grupo das empresas Amazon que oferece de maneira rápida, fácil e econômica a possibilidade de autopublicar e tornar o conteúdo de um livro disponível para milhões de clientes potenciais na Amazon.com e outros canais.

5. Pubslush – é uma plataforma de publicação para autores iniciantes com ideias inovadoras de livros. Através de um selo editorial, alimentado pelos próprios leitores, a Pubslush adquire livros com altos potenciais e para cada livro vendido, doa um livro infantil para uma criança necessitada.

6. Paper Lantern Lit – é um lugar online onde a colaboração literária e as publicações digitais se uniram para espalhar ebooks pelo mundo. Eles tem uma curadoria de ideias realizada por profissionais especializados no assunto. No site, um grupo de autores criam temas para livros, roteiros de filme, televisão e tenta vendê-los para editoras e estúdios. Se a ideia for comprada, eles acham autores para escrever ou desenvolver o produto final, ganhando então, uma comissão por ter facilitado a negociação do próximo best-seller.

Photo book feito direto do seu iphone

7. Heymosaic – é uma ferramenta para criar photo books direto do seu iphone. O sistema cria um miniálbum com as fotos arquivadas no seu telefone, é só você selecionar o tema, as fotos preferidas e fazer o design no aplicativo. Em quatro dias, chega o material pelo correio em sua casa. Super simples, fácil e rápido.

De acordo com Alessandra Lariu, publicitária e cofundadora do site SheSays, apesar da ideia do self-publishing ser muito interessante, a facilidade em escrever um livro é só o início do longo caminho para um best-seller.

Porém, ninguém questiona que as ferramentas do self-publishing são fascinantes, não só para autores inexperientes, mas também para a indústria editorial. “Novos modelos de fontes de renda combinados com aspectos de filantropia e pesquisas de mercado em tempo real são fatores interessantíssimos que podem revolucionar o mercado editorial”, finaliza.

 

Assine nosso informativo e receba notícias sobre cursos, promoções e artigos especiais da dualpixel

COMPARTILHAR:
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

Redação Dualpixel

Monitoramos o que há de mais relevante sobre midia impressa e digital para te manter informado.

Deixe uma resposta